Viarco Express VIARCO EXPRESS
inícioprojectoColecçãoviarcomaus hábitosmuseu da presidÍnciaexposiÁ„o

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 

  É mais uma vez com uma nova e inédita iniciativa cultural que a Presidência da República assinala, no espaço do Palácio de Belém, residência oficial do chefe de Estado, o nonagésimo nono aniversário da implantação da República. Com a associação ao projecto Viarco Express, nasce uma dupla parceria para a promoção da arte contemporânea portuguesa: com a Viarco, empresa agora centenária, que se inscreve na memória pessoal de cada português, e que se constitui como um exemplo no seio do tecido empresarial nacional; e com os Maus Hábitos, instituição que tem dinamizado, ao longo dos últimos anos, a partir da cidade do Porto, a cena
cultural no nosso país.

O projecto, que nasceu de um feliz encontro entre estas duas entidades, desenvolve um percurso não orientado, em que dez lápis funcionam como testemunhos que passam de mão em mão, desenhando uma cartografia contemporânea da arte portuguesa, tecendo um enredo de relacionamentos que toca diversas disciplinas
de que se constitui o panorama artístico português: do desenho à arquitectura, da escultura à instalação, da literatura ao audiovisual, da caricatura à fotografia. O ecletismo dos trabalhos apresentados é também reflexo de uma rede transgeracional, que une autores consagrados a jovens que iniciam agora o seu percurso artístico.

Dá-se assim sequência ao trabalho efectuado nos dois últimos anos, em que o Palácio de Belém, por ocasião das comemorações da implantação da República, se estabelece como uma casa aberta aos cidadãos, promotora de cultura, neste caso da arte contemporânea e dos artistas portugueses, abrindo-se, desta forma, o centésimo ano de vida da República Portuguesa.

Diogo Gaspar, Diogo Rapoula.

  © Direitos Reservados  


 
 
  © Todos os direitos reservados
Contactos | Ficha técnica | Mapa do site